Novidades

Dezenove alimentos que deixam dentes mais brancos e fortes

Janeiro 2015

 

A ida ao dentista pode garantir um bom tratamento para clarear os dentes, mas, ao escolher os alimentos certos, é possível ajudar a deixá-los mais brancos e fortes. A nutricionista, Vanessa Pimentel, separou cardápios e curiosidades para tirar o melhor que os alimentos podem oferecer para a saúde bucal.

Com algumas dicas, além de se beneficiar com uma boa seleção de pratos, é possível neutralizar alimentos prejudiciais para os dentes. Vanessa recomenda lanches com alimentos cariostáticos e anticariogênicos, como queijo, nozes, pipoca e hortaliças. “Após comer um pirulito, mastigue uma castanha, e prefira comer a bisnaguinha com queijo”, diz.

 

Confira alguns alimentos amigos dos dentes brancos

 

Morango
Morangos in natura são um prato cheio para quem quer manter os dentes brancos. A fruta contém ácido málico, um adstringente natural que ajuda a retirar manchas. Além da vitamina C, que ajuda a combater o acúmulo de placa.

 

Queijos
A caseína, um tipo de proteína encontrada principalmente no queijo, ajuda na reparação do esmalte dos dentes, junto com o cálcio e fósforo também presentes em produtos lácteos. Queijos duros, como o parmesão, são bons para o clareamento. Apenas um pedaço aumenta o fluxo de salivação que ajuda a eliminar restos de alimentos e neutraliza o pH da boca, que fica menos ácido e propenso à deterioração dos dentes. 

 

Espinafre
Rico em fibras, o espinafre faz uma limpeza natural dos dentes, além de aumentar o fluxo salivar. Estudos mostram também que o ácido oxálico do espinafre pode interferir na absorção do cálcio presente em leites e seus derivados.

 

Maçã
A maçã é fibrosa e já limpa os dentes a cada mordida, além de estimular o fluxo salivar. 

 

Iogurte
Alimentos lácteos são ricos em proteínas, cálcio, fósforo e ácido láctico, que ajudam a combater bactérias e fortalecer os dentes. 

 

Salmão
Salmão tem cálcio e vitamina D, a dupla perfeita para dentes fortes e saudáveis.

 

Leite
Os produtos lácteos (leite, iogurte sem gordura) intensificam a remineralização dos dentes e contêm cálcio.

 

Pera
A fruta ajuda a eliminar o biofilme oral – placa bacteriana – já que é fibrosa e limpa os dentes naturalmente. A pera também aumenta o fluxo de saliva, que defende os dentes contra cáries e doenças da gengiva. 

 

Pepino
Produzem saliva que, combinada com as fibras naturais dos alimentos, naturalmente limpa os dentes e remove bactérias.

 

Goma de mascar sem açúcar
Mascar gomas sem açúcar, por 15 a 20 minutos após as refeições e lanches é recomendado pelos dentistas. A goma adoçada com xilitol é um agente anticárie. O xilitol é um açúcar de cinco carbonos que não pode ser metabolizado pelas bactérias orais. Vinte minutos de mastigação parecem causar um aumento no pH salivar para mais de 5,5 vezes.

 

Castanha-do-Pará
Os óleos contidos na castanha do Pará ajudam a formar uma película sobre os dentes, reduzindo a capacidade das bactérias grudarem neles.

 

Brócolis
Brócolis contém ferro e cálcio, que juntos formam uma barreira que protege o esmalte dos dentes.

 

Cenoura
Estimula a salivação, assim, mantêm a boca hidratada e ajuda a remover o biofilme oral – placa bacteriana.

              
Hortaliças em geral
As hortaliças cariostáticos e anticariogênicos, o que contribui para a saúde dos dentes.

 

Nozes
As nozes também ajudam a formar uma película sobre os dentes.

 

Frango
O frango é um alimento cariostático, ou seja, que não contribui ao desenvolvimento da cárie.

 

Ovos
O ovo, assim como o frango, não ajuda na instalação da cárie no dente, sendo recomendado para consumo de quem quer deixa-lo forte e branco.

 

Gorduras
As gorduras também não contribuem para o aparecimento de cáries, pois formam uma película oleosa nos dentes.

 

Água
A ingestão de água, além de ser necessária para as funções vitais do organismo, é importante para o mecanismo de limpeza dos dentes.

Por que devo clarear meus dentes?

Janeiro 2015

 

Talvez você sempre quis ter um lindo sorriso branco. Ou seus dentes amarelaram com o passar do tempo. Ou talvez você não esteja feliz com as manchas provenientes do café, chá ou refrigerantes de cola. Qualquer que seja sua razão de querer dentes mais brancos, você não está sozinho.

 

Assim como todos nós temos cores diferentes de cabelo e pele, as pessoas também têm coloração diferente dos dentes. Alguns dentes são mais amarelos que outros, enquanto outros amarelam com a idade. A cor natural de seus dentes também pode ser alterada por muitos fatores. As manchas superficiais e descoloração interna podem ser causadas pelo:

 

·         O processo natural de envelhecimento.

·         Tabaco (fumar ou mascar), beber café, chá ou vinho tinto, e ingerir alimentos pigmentados como frutas vermelhas.

·         Acúmulo de placa ou depósitos de tártaro.

·         Ingestão excessiva de flúor (mais de duas partes de flúor por milhão de partes de água) quando os dentes estão se formando, o que confere ao dente uma aparência mosqueada.

·         Tratamento com antibióticos a base de tetraciclina durante a infância.

·         Trauma nos dentes pode causar coloração ou marrom, ou cinza ou preta.

 

Há muitas razões para clarear seus dentes, incluindo:

 

·         Maior segurança e auto-estima como resultado de um sorriso incrível.

·         Aparência mais jovem.

·         Um evento especial como um casamento, entrevista para emprego ou encontro de ex-alunos.

·         Causar uma primeira impressão positiva.

·         Simplesmente para reverter os anos de manchamento e amarelamento diários.

 

Sempre consulte seu dentista antes de iniciar qualquer processo de clareamento. Apenas ele poderá melhor avaliar se você está apto para se submeter a um tratamento em particular.